Cinco fatores que colocam o emagrecimento em cheque

06/10/2017 | atualizado em 11/10/2017 | Da Redação
Bem-estarBem-estar Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

Saiba quais são os hábitos que sabotam a dieta

balança para ilustrar matéria sobre emagrecimento

Fazer a correta ingestão de água, consumir quantidades suficientes de verduras e legumes, evitar o excesso de sal e fazer uso de temperos naturais (ao invés dos prontos), são algumas medidas que contribuem para ter uma dieta saudável e leve, de acordo com Daniela Mensinger, nutricionista funcional do Instituto RV, de São Paulo (SP).

E quando o assunto é perda de peso, vale lembrar que não existe nenhum plano alimentar milagroso, muito menos que funcione para diversos perfis de pessoas. Principalmente, porque é necessário avaliar características genéticas e bioquímicas individuais para alcançar dígitos a menos na balança.

Entretanto, algumas atitudes boicotam qualquer dieta. “Existem diversos fatores que impedem o emagrecimento. O necessário é realizar uma mudança de hábitos”, comenta a especialista. Veja abaixo alguns hábitos que com certeza merecem a sua atenção, listados pela nutricionista.

  1. Substituições inadequadas | “As pessoas, por praticidade, costumam utilizar produtos industrializados em demasia, e chegam a substituir, por exemplo, frutas por barras de cereais, refeições por shakes e sucos naturais por sucos de caixinhas, o que compromete demais o processo de emagrecimento”, comenta Daniela.
  2. Abusar de adoçantes | Esses itens podem ser um facilitador da absorção de carboidratos. “Quanto mais açúcar absorvido, maior a liberação de insulina, que aumenta a gordura no tecido adiposo”, alerta.
  3. Continuar consumindo embutidos | Esses alimentos são extremamente cheios de sódio, corantes e conservantes – prejudiciais para a saúde e para o emagrecimento.
  4. Consumir industrializados light e diet | Isso serve inclusive para os refrigerantes. “Para retirar ou reduzir um componente de um alimento ou bebida, a indústria adiciona outro. Por exemplo, para retirar o açúcar ou a gordura é adicionado o sódio, que é tão prejudicial para sua saúde e dieta quanto os outros componentes”, observa.
  5. Substituir arroz e feijão por torradas e pães | “As pessoas, muitas vezes, evitam comer arroz e feijão no almoço, mas optam por adicionar torradas ou pães no café da manhã e em lanches intermediários. Mesmo os que se dizem integrais, na maioria das vezes não o são, e possuem uma alta carga glicêmica. Por isso, avalie as substituições”, orienta.