Planejamento para o futuro é a chave para enfrentar a crise dos 30

18/06/2017 | atualizado em 26/06/2017 | Da Redação
Bem-estarBem-estar Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

Evitar comparações e autocobranças é fundamental para o autoconhecimento

mulher feliz ao superar a crise dos 30

Conquistar uma carreira, independência financeira, relacionamento sólido e a casa dos sonhos são expectativas que todas as mulheres desejam realizar até os 30 anos. Porém, na prática nada é exatamente como idealizamos. É comum nessa idade as mulheres morarem com os pais, manter as finanças apertadas e nem pensar em ter filhos.

“A mulher precisa ter em mente que somos seres individuais, cada uma com as próprias necessidades, maturidade e até preparo psicológico para encarar algumas situações. Nem sempre o que idealizamos, é o ideal para a nossas vidas”, explica Lizandra Arita, psicóloga clínica, de São Paulo (SP).

Por isso, quando os trinta chegar, nada de se autocobrar por aquilo que ainda não se tornou realidade, muito menos fazer comparações com as amigas. “Enquanto olharmos para a vida de quem quer que seja, deixamos de avaliar as próprias necessidades e desenvolver o autoconhecimento. Não existe plano de vida ideal, mas sim escolhas certas para o próprio caminho”, pontua.

Uma mulher bem-sucedida é aquela não está preocupada com as pressões sociais, mas sim no que precisa fazer para alcançar o que deseja

Segundo a terapeuta uma mulher bem-sucedida é aquela não está preocupada com as pressões sociais, mas sim no que precisa fazer para alcançar o que deseja, independentemente da idade. “A mulher precisa se desapegar de qualquer tipo de pressão e dar atenção à própria vida e ao modo que enxerga todas as situações”, ressalta.

O conceito de “saber o que quer” é transformador e empodera mulheres de todas as idades. No lugar de pensar no que poderia ter conseguido, que tal planejar o que vem pela frente?