Dance contra a hipertensão!

16/05/2018 | Da Redação
FitnessFitness Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

Aulas com ritmos de forró, merengue e rock afastam a doença

Caso você esteja procurando um exercício físico prazeroso e que seja capaz de oferecer benefícios cardiovasculares, aposte na dança de salão. De acordo com Abrão Cury, cardiologista e clínico geral do Hospital do Coração (HCor), de São Paulo (SP), dançar por meia hora tem o mesmo efeito benéfico que se exercitar pelo mesmo tempo na esteira ou bicicleta.

“A dança de salão é um recurso terapêutico de primeira linha para portadores de doenças cardiovasculares, pulmonares e metabólicas. É consensual e mostra que, com três aulas de dança por semana, a pressão arterial pode diminuir. Além disso, pode haver redução do uso de fármacos anti-hipertensivos”, esclarece.

Entre os ritmos, as aulas lúdicas utilizam forró, bolero, samba, merengue, valsa, rock e salsa, para oferecer também proteção e fortalecimento ao esqueleto e músculos, diminuindo a osteoporose e deixando o corpo em condições para um dia a dia sem cansaço físico. “Ao dançar três vezes por semana, após 12 semanas, a atividade trará enormes benefícios para a saúde e longevidade, pois há uma melhora no controle da pressão arterial, diabete, gorduras sanguíneas – como triglicérides – e um evidente aumento do colesterol bom, o HDL”, finaliza o especialista.