Nutricionista dá dicas de alimentos sem glúten ou lactose

28/11/2017 | atualizado em 29/11/2017 | Da Redação
NutriçãoNutrição Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

As substâncias costumam ser retiradas do cardápio em casos de distúrbios digestivos

pães com texto glúten free

Encontrado em cereais, como aveia, centeio, cevada, malte, trigo, além de inúmeros produtos industrializados, o glúten é uma proteína que pode levar ao distúrbio autoimune inflamatório do intestino delgado, conhecido como doença celíaca. Já os leites e seus derivados contêm lactose, um tipo de açúcar presente somente nestes alimentos de origem animal. Muitas pessoas possuem também intolerância a essa substância, o que provoca um distúrbio digestivo causado pela incapacidade de produzir quantidade suficiente da enzima lactase, necessária para digerir o carboidrato.

Em qualquer um dos casos, é possível realizar substituições no cardápio, sem comprometer a saúde e o sabor das receitas. Com o objetivo de oferecer opções para pessoas que não podem ou não querem consumir glúten e lactose, Gabi Rabelo, chef e nutricionista, de São Paulo (SP), em parceria com Namu Cursos, indicou alguns itens. Confira abaixo!

Para substituir o glúten

  • Amido de milho
  • Farinha de arroz ou creme de arroz
  • Fécula de batata
  • Fubá (Farinha de milho)
  • Polvilho doce e azedo (Fécula de mandioca)

Para enriquecer essas farinhas, pode-se adicionar ingredientes que ofereçam fibras e nutrientes. Alguns exemplos são: amêndoas, castanhas, chia, gergelim, linhaça, nozes, quinoa e sementes de girassol.

 

Para substituir as fontes de lactose
De acordo com a profissional, quem é intolerante à lactose costuma trocar os leites animais pelos leites vegetais. Contudo, além dos preços geralmente elevados e da pouca variedade, os produtos podem conter conservantes, corantes, açúcares e adoçantes em suas composições, perdendo as propriedades.

“Uma alternativa aos leites vegetais industrializados é fazê-los em casa. O processo é simples e bem similar para diferentes tipos de grãos. Dentre os inúmeros benefícios dos leites vegetais, estão: não possui gordura saturada, portanto não aumenta o colesterol ruim; são fontes de minerais como o potássio e vitaminas do complexo B; são ótimas fontes de fibra, dependendo do vegetal utilizado no preparo”, ressalta Gabi.