Cinco dicas para preparar o chá perfeito

11/06/2017 | atualizado em 12/06/2017 | Da Redação
NutriçãoNutrição Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

Especialista indica o tempo de infusão e a temperatura ideal para cada tipo

chá perfeito

Você sabia que os chás branco, verde, oolong e preto são de infusões da mesma planta? Trata-se da Camellia sinensis, que se apresenta de formas diferentes por passar por processos distintos após a colheita.

Mas existem outras opções que não são originadas por essa planta, como os chás de camomila, hortelã, rosa-mosqueta, hibisco, tília ou mesmo mate. Mas independentemente de qual seja sua escolha, para apreciar uma boa xícara de chá é preciso seguir algumas etapas essenciais, como a temperatura, tempo de infusão e armazenamento.

“O chá é uma bebida reconfortante e benéfica à saúde em vários aspectos, com uma enorme variedade de opções e diversos nutrientes e propriedades. Apesar de ser uma tarefa bem simples, alguns detalhes podem fazer a diferença na hora de preparar uma xícara de chá perfeita”, explica Kurush Bharucha, Tea Master Expert de Lipton, de Milton Keynes, Reino Unido.

Confira abaixo cinco dicas listadas pelo especialista, que podem tornar a experiência de tomar uma xícara de chá mais prazerosa.

  1. Compre um bom chá | Compre uma marca de chá de qualidade e terá muito mais sabor e satisfação.
  1. Armazene bem | “O chá é muito sensível – ele facilmente perde o frescor e pode absorver diferentes cheiros e odores. Assim, depois de ter comprado um chá de boa qualidade, use um frasco hermeticamente fechado para armazenar o produto, se possível”, ressalta Kurush.
  1. Use água boa | Se a água usada para fazer o chá tem gosto diferente, a bebida vai ter o mesmo sabor. Cloro e outros produtos químicos na água da torneira podem, desfavoravelmente, afetar o sabor do chá. “Se você estiver usando essa água, deixe-a correr na torneira por um tempo. Geralmente ela perde oxigênio quando é deixada parada nas tubulações por várias horas e o chá precisa de oxigênio para que ocorra a infusão corretamente”, garante Kurush. De acordo com o especialista, a água que já foi fervida e deixada esfriar vai dar um sabor impreciso e pesado ao chá. “Nunca reaproveite uma água já fervida”, reafirma.
  1. Faça a infusão na temperatura certa | De maneira geral, quanto mais escuro for o chá, maior será a temperatura de infusão. Chás pretos requerem uma temperatura mais alta para completa extração do sabor e desenvolvimento de cor. Os chás-verdes precisam de água com temperatura um pouco mais baixa do que a fervente para melhor destacar seus sabores complexos.
  1. Deixe em infusão durante o tempo correto | Mais uma vez, a regra se aplica: quanto mais escuro for o chá, maior será o tempo de infusão.  Caso a infusão ultrapasse o limite de tempo correto, o chá tende a ficar mais amargo e com gosto áspero.
  • Chá Preto: o tempo de infusão é entre três a cinco minutos e a temperatura de água recomendada é próxima a 100°C.
  • Chá Branco: o tempo de infusão é entre dois a quatro minutos e a temperatura de água recomendada é próxima a 75°C.
  • Chá-verde: o tempo de infusão é entre dois e três minutos e a temperatura de água recomendada é próxima a 80°C.
  • Chá Oolong: o tempo de infusão aproximado é entre dois a quatro minutos e a temperatura de água recomendada é próxima a 85°C.
  • Infusões de ervas: o tempo de infusão aproximado é de cinco minutos e a temperatura de água recomendada é próxima a 100°C.