Esclareça dúvidas sobre os suplementos vitamínicos e nutracêuticos

20/10/2017 | atualizado em 23/10/2017 | Da Redação
NutriçãoNutrição Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

Saiba qual a diferença entre eles, quantidade ideal de consumo e se têm relação com o peso

suplementos vitamínicos

Você sente que não tem consumido a quantidade necessária de frutas e verduras por conta da correria? A primeira observação diante disso é: pare e dê preferência a uma refeição rica nutricionalmente. A segunda indicação, por sua vez, é combine a alimentação com suplementos vitamínicos e nutracêuticos. Sim, eles podem ser administrados para suprir a carência, lembrando que durante cada fase da vida, a suplementação deve ter uma atenção diferenciada.

Para tirar as dúvidas em relação ao consumo desses itens, Helaine de Lima, farmacêutica da Liteé Farma do Brasil, de São Paulo (SP), esclarece três informações sobre o assunto. Confira!

  1. Qual a diferença entre suplementos e nutracêuticos?
    A principal diferença é que os suplementos contêm apenas uma substância em sua fórmula (exemplo: cranberry em cápsulas), ao passo que os nutracêuticos combinam diversos princípios ativos em um só produto (exemplo: vitaminas de A a Z).
  2. Suplementos e nutracêuticos engordam?
    Não. Um dos principais mitos que envolvem os suplementos vitamínicos é sobre o ganho de peso. É comum as pessoas associarem, erroneamente, a ingestão de nutracêuticos a alterações no peso, mas, de acordo com especialistas, trata-se de um mito. Os suplementos vitamínicos reúnem nutrientes e vitaminas sem valor energético e, por isso, não contribuem para o aumento de peso.
  3. Posso tomar mais do que um suplemento por dia?
    Sim. Tanto suplementos vitamínicos como nutracêuticos seguem dosagens recomendadas pela Agência de Vigilância Sanitária (ANVISA), ou seja, as cápsulas, comprimidos ou solúveis contêm uma quantidade segura de cada substância. É indicado, no entanto, que o consumidor consulte uma nutricionista antes de fazer a combinação de produtos, para verificar quais as reais necessidades e carências nutricionais do seu organismo.