Cistite ou infecção urinária?

11/07/2017 | Da Redação
SaúdeSaúde Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

Conheça as diferenças e semelhanças entre os incômodos

Você sabe qual é a diferença entre a cistite e a infecção urinária? Em média de 15 a 20% das mulheres no mundo sofrem com a cistite, que é uma inflamação na bexiga. Exagerar no café e no refrigerante, deixando de ingerir quantidade suficiente de água ao dia, são causas para seu desenvolvimento.

“O café e o refrigerante, quando tomados frequentemente, liberam grande quantidade de substâncias ácidas na urina, gerando irritação na bexiga”, explica Alex Meller, médico da Clínica Unix, de São Paulo (SP).

Outro fator que aumenta a chances da inflamação são relações sexuais, já que durante o ato acontecem dois fenômenos, o primeiro é o atrito do pênis com a uretra feminina que se localiza na parede anterior da vagina e é separada por uma parede muito fina. “O atrito leva a irritação da uretra feminina e aos sintomas de cistite”, esclarece.

Urinar é o principal tratamento da infecção, já que a urina lava a bexiga, renova as bactérias e cria uma barreira que evita novas infecções

Por outro lado, a infecção urinária possui as bactérias como sua maior causa. Por isso, algumas vezes, é a cistite um dos estágios anteriores à infecção urinária. “A proliferação das bactérias na região é alta, em média de quatro em quatro horas são praticamente duplicadas”, afirma Meller.

Urinar é o principal tratamento, já que a urina lava a bexiga, renova as bactérias e cria uma barreira que evita novas infecções. “Urinar de três em três horas é fundamental no tratamento tanto da cistite, como da infecção urinária”, ressalta.

E quando o assunto é prevenção, o especialista destaca o uso de lubrificantes durante as relações sexuais para evitar a cistite. A ingestão de água também é indicada para contribuir com o tratamento, uma vez que atenuam os sintomas e estimulam a ida ao banheiro, fator relevante para o fim do problema.