Otite externa: conheça dicas para evitar o problema

12/02/2017 | atualizado em 14/02/2017 | Da Redação
Saúde
Facebook twitter E-mail Imprimir

Dor intensa no ouvido, coceira e sensação de entupimento são alguns sintomas desse quadro

Com chegada do verão, é inevitável desejar um banho de mar ou piscina, não é mesmo? O problema é que, muitas vezes, esses passeios podem resultar no acúmulo de água no ouvido, o que somado a altas temperaturas pode resultar na proliferação de fungos e bactérias, levando a um quadro de otite externa – infecção no canal externo dos ouvidos. Entre os sintomas desse problema estão: dor intensa no ouvido, coceira e sensação de entupimento. E para ajudar você a ficar longe desse incômodo, Pense Leve traz abaixo dicas de Maura Neves, otorrinolaringologista da Clínica MedPrimus, de São Paulo (SP). Confira!

  1. Após nadar, seque os ouvidos com a ponta de uma toalha.
  2. Se sentir a presença de água dentro do conduto, deite a cabeça para o lado e encoste a orelha em uma toalha para que o líquido saia.
  3. Caso a água não saia ou você perceba uma secreção – que pode ser escura ou amarelada –procure ajuda de um otorrinolaringologista.
  4. Evite o uso de hastes flexíveis dentro do ouvido: elas servem apenas para limpar a parte externa, e não devem ser introduzidas no canal auditivo.
  5. O ouvido úmido pode causar coceira, mas é extremamente importante não introduzir nenhum tipo de objeto dentro do ouvido para aliviar a sensação. É preciso prestar atenção principalmente nas crianças, para que não se machuquem.
  6. Em caso de dores, não se deve pingar remédios caseiros. Apenas o médico poderá dar a orientação adequada.