Ácidos das frutas melhoram a aparência da pele

Com poder antioxidante, eles podem ser usados até por quem tem pele sensível

Derivados das frutas e de cereais como o milho, os poli-hidroxiácidos têm ação antioxidante e agem na superfície da pele, ajudando na remoção das células mortas, reduzindo linhas finas, manchas e cicatrizes de acne.

“Também estimulam a produção de colágeno e outros componentes que aumentam a qualidade das fibras elásticas da cútis”, destaca a dermatologista Valéria Marcondes, de São Paulo (SP).

Bem tolerados até por peles sensíveis, com rosácea e dermatite atópica, este tipo de ácido pode ser usado em cosméticos, esfoliações, peelings e para potencializar os resultados de procedimentos como lasers e microdermoabrasão.

“Mas, apesar de serem menos agressivos que os outros hidroxiácidos, os PHA devem ser introduzidos com cautela na rotina pois, embora muitos produtos com estas substâncias sejam feitos para serem usados diariamente, é sempre interessante dosar de acordo com a necessidade de cada pele. Por isso, consulte um dermatologista antes”, finaliza.