Microagulhamento: o que é e quais são os benefícios?

O procedimento melhora rugas e manchas amarronzadas

O microagulhamento é um tratamento que atenua sinais de envelhecimento por meio do estímulo do colágeno. Para isso, um rolo com 200 microagulhas faz perfurações na pele. Estes pequenos danos induzem a um processo inflamatório que, por sua vez, estimula as células responsáveis pela produção de colágeno. Com isso, reduz-se rugas e manchas, principalmente melasmas (manchas amarronzadas). O tratamento funciona também para reduzir cicatrizes de acne ou cirúrgicas, melhorar a aparência de estrias e da textura da pele e até estimular a circulação sanguínea no couro cabeludo.

Dói?

“O procedimento é indolor até certo comprimento de agulha. Acima de 0,5 mm, há uma dor tolerável. Porém, nestes casos, pode-se usar pomada anestésica ou anestesia local injetável”, diz a dermatologista Dailana Louvain, de São José dos Campos (SP).

“Depois do procedimento, pode haver um leve inchaço na região, sensibilidade e vermelhidão. Mesmo assim, a recuperação é mais rápida do que em tratamentos com laser” explica a especialista. Por fim, um alerta: “É importante fazer o procedimento com um especialista. O mau uso do rolo com agulhas pode causar danos irreversíveis à pele, especialmente na região facial”.