Atenue as dores da tendinite

Problema pode gerar desconfortos mais intensos no inverno
mulher com dor no pulso por conta de tendinite
Closeup on business woman with wrist pain

Sentiu que as dores no braço, punho e ombros diagnosticadas como tendinite estão mais intensas? A resposta pode estar relacionada às baixas temperaturas. Helder Montenegro, presidente do Instituto de Tratamento da Coluna Vertebral, de Fortaleza (CE), explica que isso acontece devido ao aumento da rigidez dos tendões e dos tecidos.

“No frio, há a diminuição do aporte sanguíneo para os vasos e, consequentemente, para os tecidos. Com isso, os músculos podem ficar mais tensos, em consequência os tendões ficam mais rígidos, o que pode dificultar ainda mais a locomoção em movimentos, facilitando o processo degenerativo e aumentando a dor”, detalha.

De acordo com o especialista, o esforço e uso repetitivo das articulações é o que causa a inflação do tendão muscular. As dores podem ser locais ou irradiadas para toda musculatura ao redor e, em muitos casos, apresentar inchaço e presença de vermelhidão. O tratamento é feito com o repouso da área e o uso de medicamento anti-inflamatório.

“Quando o paciente é diagnosticado, medidas anti-inflamatórias e analgésicas podem ser utilizadas, assim como alguns recursos fisioterapêuticos, por exemplo, compressas de gelo. Os alongamentos e exercícios de fortalecimento muscular também podem tratar o problema”, orienta.

E as dicas para atenuar os sintomas agravados pelo frio são simples. “É importante manter-se aquecido e beber água para manter os tecidos hidratados. A principal dica é a prática de exercícios físicos regulares para promover o aquecimento da musculatura e melhorar o aporte sanguíneo”, informa Montenegro.