Saiba como acabar com as espinhas na costas

Problema atinge adultos e causa incômodo no verão
dermatologista analisando espinhas nas costas
Woman visiting dermatologist at clinic

A preparação para o verão com protocolos e tratamentos contra gordura, celulite e flacidez já está a todo o vapor, mas um problema geralmente é deixado de lado e causa desconforto estético – e às vezes até dor. É a acne nas costas, que exige cuidado redobrado principalmente no calor. “Há uma ligeira diferença entre acne facial e corporal. A pele das costas tem poros maiores que os poros faciais. Dessa forma, são muito mais propensos a ficar entupidos. É por isso que é melhor procurar produtos especificamente concebidos para o corpo para tratar o problema, mas com o mesmo cuidado que temos no rosto”, comenta a dermatologista Thais Pepe, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia.

O uso de produtos secativos, à base de ácido salicílico e peróxido de benzoíla, é indicado para tratar o problema. Muitas vezes, os tratamentos em consultórios com uso da luz de LED nos tons de azul (bactericida) ou Infrared (para acalmar e ajudar na cicatrização) são recomendados em associação a procedimentos que ajudam a controlar a oleosidade.

Entre as recomendações da especialista, está o uso de roupas soltas, brancas e 100% algodão durante a prática de exercícios físicos. “O algodão absorve todo o suor e o óleo produzido nas costas, prendendo-o em suas roupas em vez de seus poros, e o branco reduz o risco de irritação por corantes artificiais”, afirma a médica.

Veja outras dicas para acabar com o problema:

 Use um sabonete líquido com pH balanceado | Escolha um adequado às suas necessidades e procure fórmulas com ativos como a vitamina A, para incentivar a renovação celular, além de antioxidantes nutritivos e extratos com ação hidratante.

 Retire as bactérias imediatamente | Após a academia, não espere chegar em sua casa para tomar banho. O suor que se acumula pode favorecer a contaminação por bactérias causadoras de acne.

 Nunca esprema! | Jamais aperte ou manipule as espinhas, pois a atitude pode levar à formação de uma cicatriz ou mancha – principalmente em estações com radiação solar mais elevada.

 Invista na esfoliação corporal | Uma boa esfoliação corporal, com ativos calmantes e hidratantes, é essencial para estimular a renovação da pele e o desbloqueio dos poros.

 Atenção aos produtos! | Reconsidere o uso de produtos perfumados de lavanderia. Os detergentes com fragrâncias podem causar irritação e secura na superfície da pele, o que pode desencadear a inflamação. “Shampoo, condicionador de cabelo e produtos de tratamento contêm uma variedade de ingredientes comedogênicos, incluindo lauril e sulfato de sódio”, afirma a médica. Esses ingredientes, juntamente com protetores solares e produtos para a pele que contêm lanolina, petróleo/petrolato e derivados de silicone, também podem causar irritação. Produtos como mousse, gel e spray de cabelo merecem uma atenção especial. Considere a sua utilização.

 Visite um médico | Se a acne não responde ao tratamento em casa e medicamentos sem receita médica, consulte um dermatologista. A intervenção precoce é a melhor forma de prevenção contra cicatrizes.