Whey protein: conheça as características de três versões

Saiba optar entre o isolado, concentrado e hidrolisado
Whey Protein
chocolate protein powder in scoop. space for text

O whey protein é famoso entre os adeptos da atividade física, principalmente musculação. De acordo com André Torres, técnico da Integralmédica, mestrando em educação e excelência em performance humana e especialista em fisiologia do exercício avançada, de Anápolis (GO) este tipo de suplemento é uma proteína de alta qualidade, fonte de aminoácidos como BCAA e Glutamina. Além de seu alto valor biológico, a proteína do soro de leite possui peptídeos bioativos, que atuam como agentes antimicrobianos, anti-hipertensivos e reguladores da função imune, assim como de fatores de crescimento.

Veja abaixo as diferentes características do Whey Protein isolado, concentrado e hidrolisado, listadas pelo especialista.

Whey protein isolado | Mais puro e com alta concentração proteica, 90% ou mais, essa versão tem pouca gordura e lactose. O processo de filtração da proteína isolada é mais rígido, eliminando colesterol, gorduras, lactose e hidratos de carbono, por isso os níveis de proteína acabam sendo maiores. A proteína do soro de leite isolada auxilia na definição e construção muscular, sendo considerada uma proteína completa.

Whey protein concentrado | Conforme os níveis de proteína diminuem, os volumes de gordura e lactose, normalmente, aumentam. Pelo fato de seus processos de filtragem ser mínimos, conservam-se frações mais benéficas da proteína. Recomenda-se seu consumo para dietas de redução calórica com objetivo de ganho de massa muscular.

Whey protein hidrolisado | Por um processo chamado hidrólise, as cadeias de proteína são quebradas em segmentos ainda menores, chamados peptídeos, garantindo maior velocidade de absorção. É proteína de alta qualidade com menor possibilidade de provocar reações alérgicas.