Dicas para quem não gosta de musculação

Praticar dança e procurar atividades em locais como parques são alternativas

Praticar atividades físicas com regularidade é imprescindível para a saúde. Para quem quer iniciar uma rotina fitness mas não gosta de musculação, o personal trainer Raphael Rosa, especialista em Zumba®, de São Paulo (SP), dá algumas dicas.

Aulas em grupo | A socialização e o contato com pessoas de diferentes níveis de condicionamento físico ajudam a motivar. Cabe ao instrutor adaptar os movimentos para atender cada perfil de aluno.

Em qualquer lugar | Atividades que não exigem o uso de equipamentos nem locais específicos podem ser uma solução para sair do sedentarismo. Exercícios que podem ser feitos no parque, na praia, ou até na sala de casa facilitam a vida de quem tem a rotina corrida. No entanto, o acompanhamento de um profissional certificado é essencial para que o aluno seja acompanhado desde a avaliação física, até a execução dos movimentos para que tenha os resultados desejados e não sofra nenhuma lesão. Então, é preciso avaliar quais são as melhores opções de exercícios para, em caso emergencial, consiga ser praticado fora da academia.

Dance! | A atividade física passa a ser muito mais prazerosa quando é feita como um exercício “disfarçado” de festa. A Zumba®️ é a aula de dança mais praticada no mundo e se adapta a perfis, idades e níveis de condicionamento.

Exercite o coração | Atividades físicas que aumentam a frequência cardíaca e promovem a melhora da qualidade de vida ajudam e fortalecem o coração, previnem doenças do aparelho respiratório e aumentam a resistência física.

Divirta-se! | Não importa qual atividade física escolhida –  o importante é que você tenha prazer, porque será mais fácil incluí-la à sua rotina. Além disso, ao praticar uma atividade física, o cérebro também é exercitado, estimulando a produção de hormônios, em especial o de bem-estar.