Musculação beneficia a circulação sanguínea

No entanto, para isso, deve ser praticada com orientação profissional

Além da queima de gordura e do ganho muscular, a musculação protege os ossos, melhora a postura, a flexibilidade, a resistência física e, principalmente, a circulação. “Por ter exercícios intensos, a modalidade deixa o coração mais ativo e saudável, normaliza a pressão sanguínea e combate o colesterol, protegendo o organismo de doenças cardiovasculares”, diz a cirurgiã vascular e angiologista Aline Lamaita, de São Paulo (SP).

Cuidado com os exageros

Porém, a musculação deve ser realizada de maneira correta e sempre com o acompanhamento de um profissional de educação física para evitar possíveis complicações, como o agravamento das varizes.

“Principalmente em pessoas que possuem predisposição genética, o hábito de prender a respiração para levantar peso pode aumentar a pressão intra-abdominal, o que, por sua vez, pode reduzir o retorno venoso das pernas para o coração”, alerta a especialista. Essa ressalva é importante principalmente para halterofilistas e fisiculturistas, que trabalham com cargas muito pesadas.

Meia de compressão

Além de ter o acompanhamento de um profissional, é possível também se prevenir com alguns cuidados simples, como usar meias elásticas de compressão. “Elas estimulam a circulação da perna e são ótimas para quem pratica atividades físicas regularmente, pois ajudam a diminuir a concentração dos ácidos lático e pirúvico no músculo, responsáveis por causar dor muscular. Dessa forma, seu treino renderá mais e você sentirá menos dor no dia seguinte”, completa a médica.

Entretanto, se você já sofre com varizes, é fundamental consultar um médico especializado antes de realizar qualquer tipo de exercício. Apenas ele poderá realizar uma avaliação e verificar que tipos de exercícios você pode realizar.