Os benefícios da corrida na areia

Menor impacto nas articulações e músculos é um deles

Correr na areia é uma atividade prazerosa e também muito saudável. Para Marcello Serrão, ortopedista e especialista em cirurgia desportiva, do Rio de Janeiro (RJ), as vantagens desse tipo de corrida são o gasto energético elevado, a queima de gordura constante, o emagrecimento mais eficaz, o trabalho contínuo da musculatura das pernas, fortalecendo-as, e, por fim, a melhora no equilíbrio.

“Não há limite de idade, porém é um tipo de atividade que não sugiro a iniciantes”, comenta o médico. Pacientes que tenham lesões crônicas de ligamento de tornozelo ou joelho também devem evitar, devido às possíveis torsões.

Menos impacto

Outra característica importante é o menor impacto com o solo. “Por mais que tenhamos uma nova geração de tênis mais modernos, que absorvem impactos, a corrida na areia continua sendo mais suave em músculos e articulações.

Ou seja, a famosa dor muscular do dia seguinte é menor comparada à corrida em solos rígidos como cimento ou asfalto”, afirma Marcello. Qualquer praticante, independentemente da idade, deve fazer uma consulta com um ortopedista para avaliar o aparelho locomotor e procurar também um cardiologista.