Benefícios da carne vermelha

12/09/2018 | Da Redação
NutriçãoNutrição Destaque
Facebook twitter E-mail Imprimir

O alimento possui proteínas, ferro e pode ser consumido na dieta

Você já sabe que o objetivo de Pense Leve é respeitar o seu ritmo e trazer dicas para que você tenha uma vida saudável e prazerosa, conceito que bate de frente com restrições rigorosas e sofridas. Até porque, o equilíbrio é a receita ideal para alcançar qualidade de vida em todos as áreas, inclusive a alimentação. E um bom exemplo desse cenário é o consumo de carne vermelha.

Essa fonte de proteína já foi banida do prato e tida como vilã das refeições, mas, na verdade, possui inúmeros nutrientes. “Ela tem nove aminoácidos essenciais ao organismo, que são fontes de nutrientes que melhoram o desempenho muscular e fortalecem o sistema imunológico. Além disso, são ricas em vitaminas do complexo B que ajudam na formação das células vermelhas e na manutenção do sistema nervoso central”, afirma Márcia Loureiro, nutricionista da Life Clínica, de São Paulo (SP).

Outra vantagem é que o alimento é indicado para as futuras mamães e, inclusive, para quem está de dieta, já que é fonte de ferro e possui cortes magros com menos gordura saturada. “Entre eles se encaixam maminha, patinho, filé mignon, coxão duro e coxão mole”, explica a especialista.

Na hora de preparar, a dica é “assá-la, seja no forno convencional ou na churrasqueira, pois não é necessário adicionar óleos”, aconselha Henrique Silva, chef da CampCarne, de Campinas (SP). Mas se preferir cozinhar, a nutricionista alerta que alguns nutrientes podem ser perdidos. “A solução para aproveitar os benefícios que seriam jogados fora é usar a água do cozimento para fazer um risoto”, orienta Márcia.