Óculos também têm prazo de validade

Fique atento para não prejudicar a visão

Quando compramos óculos, achamos que ele vai durar a vida inteira. Mas não é bem assim. “Sinais que indicam que está na hora de trocar são a visão não tão nítida, mesmo com os óculos, cansaço ao ficar muito tempo fazendo algum tipo de esforça visual, dor de cabeça ou nos olhos, lentes riscadas, com manchas ou com perda da transparência”, alerta a oftalmologista Cláudia Benetti, do Centro de Cirurgia Oftalmológica, em Campinas (SP).

Crianças ainda estão em desenvolvimento

Lentes com graus inadequados ou desatualizados também podem levar ao desconforto e ao cansaço, mas não interferem na progressão ou regressão do grau. Para o adulto, os óculos são conforto visual.

“Já nas crianças, como a visão ainda está em desenvolvimento, a qualidade das lentes e sua prescrição correta interferem diretamente nesse processo, que acontece até os 10 anos de idade. A visão pode ser prejudicada permanentemente. Por isso, é preciso ter óculos bem ajustados, bem prescritos, e com lentes de excelente qualidade”, completa.

Óculos de farmácia

A profissional alerta ainda sobre uso dos óculos comprados em farmácias. “Esses óculos não costumam ter a mesma qualidade óptica como a das lentes feitas em laboratório. Além disso, não tem, geralmente, os graus apropriados, pois dificilmente temos os mesmos graus nos dois olhos”, explica a oftalmologista. As distorções e aberrações de lentes de baixa qualidade, como nesses casos, podem favorecer o cansaço nas atividades diária, provocando cefaleias e baixo rendimento laboral.